Notícias

Festival de Música da PB: relembre fatos marcantes das edições passadas

O Festival de Música da Paraíba chega à sua quarta edição em 2021, mas desde 2018 vem colecionando momentos importantes para a cena cultural e artística do Estado, assim como apresentações memoráveis. Faltando apenas quatro dias para o início do festival, vamos relembrar fatos marcantes do evento em edições anteriores.

Em 2018, o festival teve a tocadora de pífano, Zabé da Loca, como homenageada. Na ocasião, Chico Limeira saiu vencedor da competição com a música 'Imprópria'. Além de levar a principal premiação da noite, Chico também conquistou a categoria de melhor intérprete. O segundo lugar ficou para Tom Drummond com a canção 'Capitu' e o terceiro para Renato Oliveira com 'Sopro da Loca'.

Na edição de 2019, o 'rei do ritmo', Jackson do Pandeiro, foi homenageado em seu centenário de nascimento. Chico Limeira repetiu o ano anterior, levando as mesmas duas categorias, com a canção 'Carta para Maria'. O segundo lugar ficou para Yuri Gonzaga, Zé Neto e Carlos Henrique com a canção 'Pandeiro' e o terceiro para Alberto Batista com 'Bravos do Guerreiro' que foi interpretada por Beto Rodrigues.

Já no ano passado, a 3ª edição do festival homenageou o cantor, maestro, arranjador e multi-instrumentista paraibano, Sivuca. Bixarte se tornou a primeira mulher a ganhar o Festival de Música da Paraíba, defendendo, ao lado de A Fúria Negra, a música 'Cê não Faz'. O segundo lugar ficou com Filosofino, que também ganhou o prêmio de melhor intérprete com a canção 'Manifesto dos Cantos' e o terceiro lugar ficou para Wil com 'A cor de Sivuca'.

Você pode acessar os vídeos das finais das três primeiras edições do festival clicando nos links disponibilizados abaixo

I Festival de Música da Paraíba: https://www.youtube.com/watch?v=f0iN2rkTYp4

II Festival de Música da Paraíba: https://www.youtube.com/watch?v=atMwkFWNBRA

III Festival de Música da Paraíba: https://www.youtube.com/watch?v=7godip9KIfE&t=2470s

A quarta edição do Festival de Música da Paraíba homenageia o centenário de nascimento do compositor paraibano Genival Macêdo e acontece nos próximos dias 3, 4 e 10, a partir das 20h, com transmissão totalmente virtual, direto do Teatro Paulo Pontes, no Espaço Cultural, em João Pessoa, ao vivo, pelos canais oficiais no Youtube da Rádio Tabajara e da Funesc, pelas rádios Tabajara FM 105,5 e AM 1.110 e pela TV Assembleia nos canais 8.2 (TV aberta na Grande João Pessoa, Campina Grande, Patos e região) e 340.2 (Sky, GVT e Claro/NET).

Por medidas de segurança e prevenção, a organização do festival não permitirá a presença física do público e, portanto, o acesso ao local será restrito aos concorrentes, músicos da banda e equipes de produção.

No total, 30 canções autorais serão apresentadas em dois dias de eliminatórias, com 7 se classificando para a grande final. Serão pagos R$ 28 mil em prêmios, sendo R$ 10 mil para a canção vencedora, R$ 7 mil para a segunda, R$ 5 mil para a terceira, R$ 3 mil para a melhor interpretação e R$ 3 mil para a melhor canção escolhida por voto popular.

O Festival de Música da Paraíba é realizado pelo Governo do Estado por meio da Secretaria de Comunicação Institucional - SECOM, Empresa Paraibana de Comunicação - EPC e Fundação Espaço Cultural da Paraíba - FUNESC.

 

Resumo das três primeiras edições do festival:

I Festival de Música da Paraíba:

1º lugar: Imprópria - Chico Limeira

2º lugar: Capitu - Tom Drummond

3º lugar: Sopro da Loca – Renato Oliveira

Melhor intérprete: Chico Limeira

II Festival de Música da Paraíba:

1º lugar: Carta pra Maria - Chico Limeira

2º lugar: Pandeiro - Yuri Gonzaga, Zé Neto e Carlos Henrique

3º lugar: Bravos do Guerreiro - Alberto Batista

Melhor intérprete: Chico Limeira

III Festival de Música da Paraíba:

1º lugar: Cê Não Faz - Bixarte

2º lugar: Manifesto dos Cantos - Filosofino

3º lugar: A cor de Sivuca - Wil

Melhor intérprete: Filosofino